AS CONSEQUÊNCIAS DO “NUDES”

Tenho observado o numero crescente de pessoas adeptas ao nudes! Principalmente jovens! Mas será que as pessoas têm noção do quanto isso é perigoso?  Será que esses jovens estão sendo orientados sobre os malefícios desta pratica? Essa nova forma de expressar a sexualidade faz parte de um dos muitos jogos sexuais que os jovens têm adotado para se destacarem.

Esse exibicionismo pode ter um preço alto, onde a alegria e a tristeza estão muito próximas. O mundo virtual ajuda cada vez mais a criar fantasias e a supervalorização do “EU” é tanta que faltam

Nem sempre quem recebe o nudes esta com boas intenções, a maior preocupação relacionada a essa prática de compartilhamento é que, uma vez on-line, perde-se completamente o controle da foto ou do vídeo íntimo publicado. Portanto cuidado! É o seu corpo, sua imagem, que poderá ser visualizada por inúmeras pessoas se cair em mãos erradas.

Destaco que esses compartilhamentos indevidos de fotos íntimas podem levar o indivíduo ao adoecimento como depressão e até mesmo o suicídio. Essa exposição costuma acontecer com frequência entre os jovens, principalmente no inicio da sexualidade sem pensar nas consequências. Reforço que os impactos psicológicos neste contexto podem ser irreparáveis

Nudes e sexting – Nudes não vem do português “nudez”, vem do inglês NUDE, que significa nu, despido… só que colocaram a expressão misturada com o português, algo comum na internet. Sexting – é a prática de enviar mensagens eróticas, fotos eróticas ou vídeos sexualmente explícitos pelo celular, o compartilhamento de fotos íntimas em sites e aplicativos de smartphones. A palavra sexting é originada da união de duas palavras em inglês: sex (sexo) + texting (envio de mensagens).

O número de vítimas de “nude selfie” e “sexting”, em relação aos compartilhamentos de fotos íntimas em sites e aplicativos de smartphone, como o WhatsApp, mais que dobrou nos últimos dois anos no país. Os dados são de um levantamento inédito feito pela ONG Safernet Brasil, entidade que monitora crimes e violações dos direitos humanos na internet, em parceria com a Polícia Federal (PF) e o Ministério Público (MP).

Vale lembrar que a divulgação de imagens eróticas, vídeos eróticos sem consentimento do dono pode ser interpretada como crime pela Justiça de acordo com várias leis. O ato pode ser classificado como difamação ou injúria, segundo os artigos 139 e 140 do Código Penal.

Quando envolvem adolescentes então, o crime é grave e prevê pena de 3 a 6 anos de reclusão e multa para publicação de materiais que contenham cenas com menores de 18 anos, segundo o artigo 241 do Estatuto da Criança e do Adolescente.

As pessoas precisam entender que este tipo de exposição feito por artistas é bem calculado e na maioria das vezes vira uma ação bem-sucedida. Mas com uma pessoa comum, o mesmo não acontecerá. Haverá julgamentos. Fica a dica!

DICAS DE BEM COM A VIDA

  • Não se deixe levar por pressões para produzir ou publicar imagens sensuais;
  • O efeito on-line pode ter sérias consequências fora da rede, reflita!
  • Pais: Alertem seus filhos aos perigos da internet;
  • Proteja-se na internet e fora dela;
  • Converse sobre isso com alguém de sua confiança;
  • Cuidado para não ser mais uma vitima da internet;
  • Não ceda as chantagens emocionais, se seu parceiro realmente lhe ama como diz, ele vai respeitar sua escolha;
  • Cuidado ao se fotografar nu ou nua;
  • Caso esteja passando por essa pressão ou isso esta lhe trazendo problemas procure ajuda!

Click aqui para ler mais artigos sobre Qualidade de Vida e Bem Estar:

http://www.dilzasantos.com.br/noticias-e-publicacoes/

Click aqui para conhecer nossos serviços:

http://www.dilzasantos.com.br

Gostou dessa matéria ?

Deixe ou seu comentário, gostaríamos também de receber sugestões de assuntos que vocês gostariam de ver nas nossas publicações semanais.

Atenciosamente.

Dilza Santos

Deixe uma resposta